Roubo de combustível custa R$ 150 milhões/ano à Petrobras

Roubo de combustível custa R$ 150 milhões/ano à Petrobras. A ação de grupos criminosos nos dutos de transporte de petróleo e derivados mais do que triplicou em três anos. Entre tentativas e episódios efetivos de furto, foram registrados 72 casos em 2016. Em 2018, por sua vez, o total subiu para 261 – a maior parte em São Paulo e no Rio de Janeiro. A avaliação da estatal, informa o Estadão, é que organizações criminosas descobriram que a venda irregular de combustíveis é um bom negócio. A empresa lança nesta sexta-feira o Pró-Dutos, novo programa de inteligência e segurança.

Qual a sua opinião? Participe da conversa nos comentários abaixo.

Share This:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *